Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/20.500.11997/802
Title: Do do-in antropológico à política de base comunitária, 10 anos do programa cultura viva: uma trajetória da relação entre Estado e Sociedade
Authors: Calabre, Lia
Lima, Deborah Rebello
Keywords: Programa Cultura Viva;Relação Estado e Sociedade;Cidadania
Issue Date: 2014
Citation: CALABRE, L.; LIMA, D. R. Do do-in antropológico à política de base comunitária, 10 anos do programa cultura viva: uma trajetória da relação entre Estado e Sociedade. Políticas Culturais em Revista, v.2, n.7, p. 6-25, 2014
Abstract: O foco deste artigo é refletir sobre a trajetória do Programa Cultura Viva, uma política pública criada pelo Ministério da Cultura do Brasil, em 2004, e que ganhou grande visibilidade em outras partes do mundo. O objetivo principal da discussão é analisar como a ação governamental problematiza o campo de avaliação de políticas públicas, além de tensionar as formas de relacionamento entre Estado e grupos sociais.
This article is focused on the trajetory of the Program Cultura Viva, a public policy developed by the Ministry of Cultural Affairs of Brazil, in 2004, which received a lot of attention worldwide. The main objective of this discussion is to analyze the way the government actions ponder about public policies assessment besides ellaboration on the relationship manners betwen State and Society
URI: http://hdl.handle.net/20.500.11997/802
Appears in Collections:Docentes
PPC - Outras publicações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Calabre, L. - DO DO-IN ANTROPOLÓGICO À POLÍTICA.pdf141,78 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.